Botafogo-PB chega a acordo de rescisão com o treinador Evaristo Piza

Foto: Caio Guilherme/ Voz da Torcida

Demorou, mas foi finalizado o acordo de rescisão entre o técnico Evaristo Piza e o Botafogo-PB.

A informação inicialmente foi divulgada pelo jornalista André Resende, em sua conta do Twitter, e confirmada pelo Voz da Torcida. O treinador foi demitido do clube no dia 13 de março, após derrota por 3 a 0 para o Santa Cruz, pela Copa do Nordeste.

Além de Piza, os outros membros da comissão demitidos também chegaram a um acordo mútuo com o clube. São eles o preparador físico Cláudio Creato e o auxiliar técnico Marco Antônio.

Falando com exclusividade ao VT, Piza comemorou a solução do problema que, segundo ele, ficou boa para todas as partes.

— Houve algumas divergências, isso é normal em qualquer situação após uma quebra de contrato. Tem a questão da pandemia também, ficou parado não só as questões do futebol, mas questões gerais no país. A gente precisou vir embora para São Paulo, todos, a minha família, a família do Creato aqui, do Marco Antônio. A gente optou por vir embora no dia 31 de março e deixamos o nosso representante resolver junto com a diretoria. Estendeu esse período, mas é uma situação normal para se ter um acordo. Da maneira que ficou, ficou bom para ambas as partes — disse.

Com isso, o treinador encerra definitivamente o seu vínculo com o Belo, a quem ele agradece muito pela oportunidade. Piza afirmou que aproveitará a quarentena para estudar e começar a planejar o seu futuro.

— Agora cada um segue sua vida, a gente busca através disso agora, analisar bem o mercado, acompanhar o futebol. Essa quarentena está servindo para isso. Assistir jogos, rever jogos, ver os nossos acertos e erros para que na hora que surgir uma nova oportunidade, um novo projeto, a gente possa desempenhar o que a gente desempenhou no Botafogo da Paraíba — declarou.

O Botafogo-PB segue sem treinador após a demissão de Piza. Nos dois últimos jogos que a equipe fez antes da paralisação do futebol, Warley Santos assumiu o comando do time de maneira interina. Sua permanência, entretanto, é descartada. Com o acordo com Piza concluído, agora a direção deve ir ao mercado em busca de um nome para comandar a equipe. Argel Fucks, que teve seu nome ligado ao clube, foi descartado.

Seguindo as recomendações da Secretaria da Saúde do Estado da Paraíba, o Belo continua com todas as suas atividades suspensas, sem estimativa de retorno.

Equipe @ Vozdatorcida