Botafogo-PB está próximo de anunciar primeiro pacotão de reforços

Lohan está próximo de ser o primeiro reforço do ataque botafoguense. Foto: Divulgação/ ABC

Com apenas detalhes e a assinatura dos contratos separando os atletas do clube, o Botafogo-PB se movimenta para, nesta semana, finalmente apresentar novidades visando a temporada do ano que vem.

Depois de renovar com treze jogadores que estiveram na Maravilha do Contorno em 2019, e no compasso de espera pelas respostas dos goleiros Saulo e João Guilherme, a confirmação com Juninho, e praticamente descartando a continuação do meia Marcos Aurélio, a direção do Belo deve reforçar todos os setores da equipe em seu primeiro anúncio.

No programa Microfone Aberto, da Rádio Tabajara, na segunda-feira (16), o presidente Sérgio Meira confirmou negociações avançadas com quatro jogadores.

Autor de dois gols na Série C deste ano, um deles contra o próprio Botafogo-PB, no empate por 1 a 1 em João Pessoa, o atacante Lohan deve trocar o ABC-RN pelo Belo. Com 23 anos, ele também já atuou por Friburguense-RJ, Macaé-RJ, sub-20 do Grêmio, Resende-RJ e CSA-AL. Artilheiro nas categorias de base do Friburguense, sua melhor temporada como profissional foi pelo próprio clube carioca, com 18 gols marcados em 2018.

Na defesa, Luís Gustavo, de 27 anos, estava na Ferroviária-SP e jogou com Fred, pelo Novo Hamburgo, no primeiro semestre de 2019. O zagueiro teve boas atuações com a camisa do Sport em 2016, e já jogou em Portugal e no Bahrein.

Foto: Aldo Carneiro/ Pernambuco Press

Na lateral-esquerda, uma das posições mais criticadas no time há vários anos, a novidade vem de Goiás. Mário Sérgio tem 25 anos e várias temporadas disputadas pela Aparecidense, seu último clube. Além disso, esteve no Goiás, Itumbiara-GO, Trindade-GO e Guarani-SP.

 

Foto: Divulgação/ Aparecidense-GO

Fechando os primeiros nomes, uma situação polêmica. Everton Heleno chegou a ser preso por envolvimento em um roubo em Recife, no ano de 2018, pouco tempo depois de ser dispensado pelo Botafogo-SP por indisciplina devido a uma festa realizada após vencer o Ypiranga-RS, fora de casa. Ele ficou detido até maio deste ano, quando conseguiu um alvará de soltura, mas precisa cumprir algumas determinações judiciais, e ainda não voltou a atuar. Uma das testemunhas do caso, entretanto, posteriormente, afirmou ter se equivocado ao acusar o atleta, o inocentando.

Foto: Divulgação/ Botafogo-SP

Dentro de campo, o volante de 28 anos também chegou a ter passagem pelo sub-21 do Sousa, e profissionalmente disputou partidas por Santa Cruz, Mogi Mirim-SP, ASA-AL, CSA-AL e Atlético-GO.

Ainda segundo Sérgio Meira, a ideia é diminuir a média de idade do elenco botafoguense, que costuma sempre cair bastante de rendimento na parte decisiva da Série C, principal objetivo da próxima temporada.

Equipe @Vozdatorcida