Botafogo-PB dá prazo para definir renovações de medalhões

Foto: Paulo Cavalcanti/ Botafogo-PB

Em negociações abertas para fechar o ciclo de renovações com atletas que ficam no clube para a próxima temporada, o Botafogo-PB parece realmente mudar de postura nos bastidores para agir de forma mais incisiva e profissional, e não ficar na mão das vontades dos atletas.

Depois da diretoria garantir respaldo ao treinador Evaristo Piza, que segue na Maravilha do Contorno, para ter tolerância zero com casos de indisciplinas, agora foi a vez de se impor com relação a duas importantes peças da equipe nas últimas temporadas.

Com a situação de vários jogadores definidas sobre saídas e permanências, os casos que vem se alongando são os do goleiro Saulo e do meio-campista e capitão Marcos Aurélio. Mas isso não vai durar mais muito tempo.

É que o clube colocou um prazo aos atletas decidirem seu futuro em João Pessoa e, no máximo, até o próximo dia 9, segunda-feira, a situação vai receber um desfecho.

Na quarta-feira (04), o Belo confirmou um novo contrato para o atacante Dico, que irá para sua quarta temporada na Maravilha do Contorno. Além dos dois casos citados, falta apenas a definição sobre a situação de Juninho, que está encaminhada para ser último remanescente para 2020. O restante dos atletas não fazem parte dos planos de Evaristo Piza para a próxima temporada.

Confira quem fica no Belo

Negociando: Saulo (goleiro), Juninho e Marcos Aurélio (meias)

Confirmados para 2020: Rhuan (goleiro), Israel e Neilson (laterais-direito), Fred e Donato (zagueiros), Rogério (volante), Marcos Vinicius, Erivélton e Enercino (meias), Hiago, Kelvin e Dico (atacantes).

Equipe @Vozdatorcida