Botafogo-PB sonda ex “algoz” do acesso e meia do Vila Nova-GO

hiroshi-tchô
Foto: Divulgação

O Botafogo-PB vem guardando a sete chaves os últimos reforços para a temporada de 2018 que começa no dia 7 de janeiro, quando o Belo estreia pelo Campeonato Paraibano. A apresentação do elenco acontece nessa terça-feira (28) e é natural que o clube busque deixar algumas surpresas para o evento. A reportagem do Voz da Torcida apurou que o clube sondou dois meias conhecidos do futebol mineiro, que podem ser as surpresas da apresentação: Tchô e Hiroshi.

O primeiro é conhecido da torcida botafoguense. Tchô era o meia de ligação e um dos principais nomes do Boa Esporte-MG no ano passado, quando foi campeão brasileiro da Série C e um dos algozes do time paraibano no jogo do acesso. O jogador confirmou a sondagem do clube e disse que seria um prazer jogar no “maior da Paraíba”.

– Houve apenas uma conversa com o Leston, mas não entraram mais em contato comigo. Mas seria um prazer enorme jogar no maior da Paraíba. Gostaria de ir, o Leston gosta do meu futebol e quis me levar, pelo visto. Ele é muito bom e vai provar isso aí. Seria bom ter o privilégio de ajudar o time a chegar à Série B – disse o jogador, que jogou o Campeonato Mineiro deste ano pelo Vila Nova-MG e estava parado desde o fim do Estadual.

Outro que também confirmou que o contato do clube paraibano foi o meia Hiroshi, de 31 anos, que estava disputando a Série B do Campeonato Brasileiro com a camisa do Vila Nova-GO. O atleta disse ter sido contatado pelo Botafogo-PB, mas negou o acerto.

– Tivemos algumas conversas, mas ainda não evoluiu. Também estou ouvindo outros clubes, recebi contato do Náutico. Mas seria um ótimo clube para trabalhar, falam muito bem do clube e da cidade  – comentou o meia.

O diretor de executivo de futebol do Belo, Francisco Sales, não negou as sondagens, mas falou que os atletas ainda não assinaram contrato com o clube paraibano.

– A gente não tem nada assinado ainda. Se tudo se resolver hoje, amanhã teremos boas contratações para apresentar à nossa torcida. Mas futebol é aquela coisa, pode vir outro clube com maior poder de negociação e aí as contratações podem não dar certo – explicou.

Equipe @Vozdatorcida