Botafogo-PB recebe o Nacional de Patos por vaga na final do Paraibano

Foto: Nádya Araújo/ Botafogo-PB

No fim da tarde deste domingo (14) será decidido o segundo finalista do Campeonato Paraibano de 2019. Botafogo-PB e Nacional de Patos se enfrentam às 17h, no estádio Almeidão, em João Pessoa, pela segunda partida das semifinais.

Em Patos, no primeiro duelo, o Belo levou a melhor e venceu por 2 a 1, de virada, em um jogo marcado por polêmica com a arbitragem. Agora, o time pessoense joga por um empate para enfrentar o Campinense na decisão. Para voltar para o sertão com a vaga, o Canário deve vencer por dois gols de diferença. Caso o triunfo seja por um gol de vantagem, a decisão será nos pênaltis.

Com a melhor campanha do torneio e a vantagem na partida de hoje, o Botafogo-PB não poderá contar com alguns jogadores logo mais. O treinador Evaristo Piza, que já afirmou que vai com força máxima no jogo, mesmo vindo de uma maratona de jogos, tem os desfalques do atacante Nando e o lateral esquerdo Fábio Alves, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. No ataque, Adalgiso Pitbull, Rafael Ibiapino, Dico e Paulo Renê são opções. No lado do campo, Charles é o substituto natural.

Pelo lado sertanejo, a revolta com a expulsão exagerada de Birungueta no início do duelo do José Cavalcanti é a motivação maior para buscar a vaga. Mesmo com um a menos por mais de 70 minutos, o Nacional foi melhor que o Belo, mas a diferença técnica pesou e o time pessoense virou o jogo em duas das raras oportunidades que teve. É pensando em melhorar o aproveitamento ofensivo que o treinador Delany Nóbrega vai para o Almeidão. Sem o meio campista, que joga como lateral, que cumpre suspensão automática, o time deve ser o mesmo que entrou em campo na quarta-feira passada.

Arbitragem

Quem apita o jogo é Rodrigo Batista. Ele terá os auxílios de Ruan Neres e Paulo Ricardo. O quarto árbitro é Josemarques Domingos, todos do quadro da FPF.

Escalações

Botafogo-PB: Saulo, Israel, Lula, Donato, Charles; Rogério, Wellington (Dico), Marcos Vinicius, Clayton, Marcos Aurélio; Adalgiso Pitbull. Técnico: Evaristo Piza.

Nacional de Patos: Geffson, Aldry, Ranieri, Carlão, Zé Aquiraz; Jaildo, Curuka, Ciel, Fábio Neves; Isaías e Jairo. Técnico: Delany Nóbrega.

Equipe @Vozdatorcida