Jogador aparece no BID pelo CSP e disputa com Inter-PB pode estar perto do fim

Agora em Lucena, o Internacional-PB alega que o CSP não está irregular junto a CBF e que sua vaga no Paraibano 2018. São Paulo Crystal, terceiro da Segundona, também monitora a situação

Imagem: Reprodução/ Site da CBF

O que parece ser muito simples pode ser a solução para um imbróglio que foi parar no Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol da Paraíba.

Na tarde de terça-feira (17), o registro do atacante Fábio, que disputou a Segunda Divisão do Paraibano pela Desportiva Guarabira no Boletim Informativo Diário da CBF, apareceu vinculado ao CSP.

Acontece que, até dias atrás, o tricolor da capital estava impedido de registrar jogadores por ter sua senha junto ao sistema da Confederação Brasileira de Futebol bloqueada, o que fez o Internacional-PB alegar que o time estaria irregular, e assim não poderia disputar o Paraibano de 2018, pleiteando assim uma vaga na elite pelo TJDF-PB.

O auditor do Tribunal, Francisco Serpa di Lorenzo, assim como Amadeu Rodrigues, presidente da Federação Paraibana de Futebol, já haviam declarado que a situação do CSP não preocupava, e que não havia nenhum impedimento para que disputasse o próximo estadual.

Apesar do fato novo, que pode colocar por terra a questão da irregularidade do time da capital, Tassiano Gadelha, presidente do Inter-PB, garantiu que vai recorrer ao STJD caso seu pleito no Tribunal da Paraíba não tenha resultado ao seu favor. Segundo o dirigente, não se trata de uma inscrição, mas sim do encerramento de um contrato de empréstimo.

– Caso o Tribunal entenda diferente de nós, não reconhecendo a ação, entraremos com um recurso junto ao Superior Tribunal de Justiça. O jogador Fábio que aparece no BID estava na Desportiva Guarabira e está apenas voltando – argumentou.

O julgamento, que estava marcado para amanhã (19), foi transferido para a próxima quinta-feira, dia 26.

Equipe @Vozdatorcida com Correio da Paraíba

Voz da Torcida
Sobre Voz da Torcida 3699 Artigos
O Portal Voz da Torcida trabalha com a difusão de informações sobre o futebol paraibano desde 2011. Onde houver uma equipe paraibana de futebol competindo o Voz da Torcida estará fazendo a cobertura jornalística.