Novo titular, zagueiro do Botafogo-PB quer vitória nem que seja na marra

Zagueiro deve continuar no time titular e formar a dupla de zaga com Plínio, assim como aconteceu na partida contra o Salgueiro-PE na última rodada

Foto: Reprodução/ Instagram

Ademir Fonseca chegou ao Botafogo-PB, segundo a diretoria, por conhecer boa parte do elenco de jogadores, já tendo trabalhado com uns e jogado contra outros. Isso pesou para a contratação do treinador, que substitui Itamar Schulle no comando do time desde a última semana.

Alguns nomes ganharam mais espaço desde então. O lateral direito Gustavo, o polivalente Fernandes, na lateral esquerda, e o zagueiro André Santos se tornaram titulares na rodada passada, e devem permanecer entre os onze que iniciarão a partida do próximo domingo (13), diante do Moto Club-MA.

André falou sobre o caráter do duelo com um adversário direto na luta contra o rebaixamento. Para o zagueiro, a sequência de seis derrotas é coisa do passado, e o sonho da classificação ainda está vivo.

– Estamos bastante concentrados, focados. Sabemos que é um jogo muito difícil e temos que ganhar de qualquer jeito, na marra, para buscar nosso objetivo, que é a classificação. Temos que passar a borracha no que aconteceu. Temos que ganhar os cinco jogos – afirmou.

Sobre a condição de titular adquirida, o jogador que ganhou a vaga de Bruno Maia, que era peça certa no time desde o início do ano, André Santos falou sobre sua característica principal, que é sair jogando sem rifar a bola.

Ele também lembrou que já trabalhou com Ademir Fonseca em 2009, no Rio Branco-SP, e esse conhecimento dá ao treinador confiança para escalá-lo nas partidas logo de início.

– Venho aprimorando (essa característica) no dia dia, trabalhando. Damos chutão só quando for preciso. (A titularidade) É reflexo do trabalho. Ele optou por me escolher e temos que dar conta do recado – disse.

Nesta quinta-feira (10), o treinador do Belo realizou um trabalho tático e repetiu por várias vezes jogadas de bola parada, que tem sido o terror da defesa botafoguense nessa sequência negativa, em que em quase todos os jogos toma gols em bolas alçadas à área.

Equipe @Vozdatorcida