Treinador do Botafogo-PB pede time concentrado para vencer o CSP

Time foi vaiado após baixo rendimento no primeiro tempo da estreia e melhorou com as alterações, mas Leston pretende dar sequência à alguns jogadores

Foto: Vitor Oliveira/ Voz da Torcida

A estreia do Botafogo-PB na temporada de 2018 já é passado, e agora o time se prepara para enfrentar o CSP, no domingo (14), e estrear na Copa do Nordeste, no meio da próxima semana, quando enfrentará o Bahia, fora de casa.

Para essa sequência difícil de jogos, que ainda terá a partida contra o Floresta-CE, pela Copa do Brasil, dia 31 deste mês, o Belo quer contar com seu principal jogador para a temporada, o meio campista Marcos Aurélio.

Referência técnica e camisa 10, o jogador se apresentou depois de seus demais companheiros por ter disputado a Série B do Brasileiro até o fim de novembro. Completando quase vinte dias de pré-temporada, o treinador Leston Júnior confirmou que Marcos Aurélio será relacionado e deve ficar no banco de reservas na partida contra o Tigre.

– Dentro da programação que tínhamos estipulado desde a reapresentação do Marcos, se a gente conseguir colocá-lo parte do jogo, alguns minutos, vamos começar a condicioná-lo com relação a ritmo de jogo. Temos que ter cuidado para não queimar etapas para que na sequência ele entre de forma efetiva na equipe – afirmou.

No jogo do último domingo, diante do Serrano, o time sofreu no primeiro tempo, e saiu vaiado de campo para o intervalo, quando perdia por 1 a 0. Na segunda etapa, o atacante Marlon entrou na vaga do volante Rafael Jataí, o desempenho melhorou, e a virada veio com dois gols de Nando.

Apesar disso, o treinador botafoguense não deve promover alterações entre os onze que iniciarão a partida do próximo domingo.

– Temos até domingo (para pensar), mas não devemos ter grandes mudanças. Quanto mais eu puder fortalecer uma base, é importante que eu o faça, porque já terei problemas naturais com lesões e com cartões. É um grupo novo, precisamos de equilíbrio para que caiba uma mudança no jogo que possa potencializar alguma característica, mas temos que evitar mexer demais para a gente criar um corpo de time com a sequência dos primeiros jogos para depois analisar o que é ideal para o restante da temporada – disse.

Sobre o CSP, Leston Júnior disse ter analisado as características do time, e prevê jogo duro no Almeidão.

– O CSP é um time muito organizado, técnico, que procura jogar com posse de bola, tem velocidade na frente, referência. Vamos precisar fazer um jogo concentrado, muito forte, para manter a possibilidade de êxito – concluiu.

Equipe @Vozdatorcida