Warley admite preocupação dos atletas do Bota-PB com coronavírus

Foto: Divulgação/ Botafogo-PB

A pandemia do coronavírus que se alastra pelo mundo e que matou a primeira pessoa no Brasil na manhã desta quarta-feira (17) vem demandando preocupações em toda população, e nos jogadores de futebol a situação não é diferente.

Nesta tarde, após o treino na Maravilha do Contorno, em em preparação para encarar o Sousa amanhã (18), Warley Santos, treinador interino do Botafogo-PB, falou sobre como os jogadores vem reagindo a situação enquanto precisam exercer a profissão, uma vez que a FPF não se decidiu sobre o que fará com o Campeonato Paraibano.

– É um jogo estranho, com portões fechados. Você sempre joga com a torcida no Almeidão a seu favor. Mas temos que preservar a saúde de todos. É uma determinação, temos que cumprir. Vemos o que vem acontecendo no mundo em face do coronavírus. Os atletas também estão com essa preocupação, mas vamos procurar um bom resultado para a gente melhorar na tabela – disse.

Sobre o duelo desta quarta, atrasado da quarta rodada do Paraibano, o ex-atacante falou sobre a posição da qual conhece. Sem contar com Lohan, que se machucou contra o Nacional de Patos, Lucas Simón, autor de três gols contra o Canário do Sertão, vai seguir no time titular.

– O Simón vinha trabalhando, o Lohan infelizmente sentiu o adutor da coxa. Vinha bem, fez gol e machucou. Lucas entrou, fez gol, vamos dar chance para ele assumir o posto que o Lohan vinha fazendo muito bem – explicou.

Com a boa estreia no último domingo, botafoguenses mais empolgados já chegam a pedir a permanência de Warley no comando da equipe em detrimento de outros nomes especulados para assumir o cargo de treinador do Botafogo-PB. Mas o ex-camisa 9 sabe que é cedo para assumir a função, e espera contribuir para que o próximo profissional chegue com a casa arrumada.

– É muito cedo para dizer isso (sobre efetivação como treinador). Para tudo na vida existe uma preparação, e acho que momentaneamente estou tentando ajudar o Botafogo-PB. Conheço o elenco, participei da formação, e vou fazer o melhor possível. Continuar ou não, depende do que acontecer. Espero ajudar a equipe bem – afirmou.

Belo e Dinossauro do Sertão se enfrentam às 20h15 desta quarta (18), no estádio Almeidão, em João Pessoa, sem a presença de torcedores. Se vencer, o time pessoense fica na vice-liderança do Grupo A. Em caso de triunfo da equipe sertaneja, o alviverde assume a ponta do Grupo B.

Equipe @Vozdatorcida