Belo cede empate nos acréscimos ao Tombense e sai do G4

Reencontrando o bom futebol, o Botafogo-PB dominou o Tombense-MG durante o primeiro e segundo tempo. Mas, novamente nos minutos finais da partida, o time cedei o empate. O jogo acabou com o resultado de 1 a 1. Perdendo dois pontos nos acréscimos, o resultado deixa a equipe paraibana fora da zona de classificação para a segunda fase da Série C do Campeonato Brasileiro, chegando aos 22 pontos e ocupando a quinta colocação do Grupo A.

Pressionado para voltar ao G4 após os demais resultados da 15ª rodada, o Belo começou a partida mirando o único resultado possível dentro de seus interesses na competição: a vitória. Logo aos três minutos do primeiro tempo, Clayton testou o goleiro Felipe Garcia, mas a bola ficou na zaga do Tombense. Logo em seguida, os visitantes tentaram responder com Everton, mas o árbitro já marcava o impedimento. Disputada, a partida só teve a primeira chegada aos nove minutos, Pablo tocou para Welton, que, por sua vez, entrou pela direita e levantou a bola na área para o desvio de Éderson. A finalização foi por cima do gol.

Após cobrança de escanteio, aos 13 minutos, Clayton mandou a bola endereçada para o meio da área, Juba subiu sozinho e cabeceou pela linha de fundo. Na sequência, o Gavião Carcará pressionou em bela jogada de Igor, pela esquerda, que chuta para bela defesa do goleiro alvinegro. Gustavo aparece no lance e tenta completar para o gol, mas o impedimento já estava marcado.

Melhor no jogo, ocupando bem o meio campo e encurtando o espaço para criação do Tombense, o Belo chegou com perigo aos 19 minutos quando Clayton recebeu de Sávio e cabeceou. A bola desvia na defesa e acaba ficando fácil para o goleiro Felipe Garcia. Logo depois, aos 24 minutos, Tinga bateu forte para defesa, espalmando, do arqueiro da equipe de Tombos. No rebote, Juba ajeitou a bola para Tsunami chutar forte para o fundo das redes, para abrir o placar para o time paraibano.

Também pressionado, agora pelo gol do Belo, o Tombense precisou se abrir mais para o jogo, tentando ser mais ofensivo e esbarrando na boa postura defensiva do Botafogo-PB. O jogo permaneceu truncado até o encerramento do primeiro tempo.

No retorno, o Belo seguiu buscando a meta do time mineiro. No primeiro minuto, Clayton entrou pela esquerda, cruzou para Éderson, mas a arbitragem já havia marcado o impedimento. Pressão do Belo, com Tinga, a equipe chuta forte, a bola desvia na defesa e Felipe Garcia fez defesa milagrosa. Só tentando frear o alvinegro da estrela vermelha, o técnico Rafael Guanaes mudou peças no time para tentar buscar o empate. O time, no entanto, não reagiu com nenhuma mudança e o Botafogo-PB continuou dominando a partida.

Sem buscar conhecimento da situação do adversário, a superioridade do paraibano seguiu. Aos 12 minutos, Clayton dominou na grande área, puxou a bola e escapou da marcação do Tombense para finalizar para o gol. Linda jogada, mas a bola foi por cima da meta. Após falta marcada, Gabriel Araújo cobrou para dentro do gol, mas o juiz interrompeu a jogada antes da finalização por falta no goleiro Felipe Garcia.

Após uma queda de ritmo de ambas as equipes, Gabriel Araújo cobrou escanteio, Éderson chutou de primeira, obrigando Felipe Garcia a salvar o time mineiro de tomar o segundo gol em bela defesa. Gerson Gusmão efetuou uma mudança dupla com Luã Lúcio e Amaral no lugar de Welton e Tinga, respectivamente. Com a saída do volante, o Botafogo-PB caiu de rendimento e, ainda assim, o Tombense não conseguiu encontrar boas chances para tentar o empate.

Só aos 44 minutos do segundo tempo, com David em cobrança de escanteio, o time de Tombos conseguiu acionar o goleiro Lucas para uma defesa. Marquinhos ainda tentou aproveitar a sobra, mas a bola foi longe do gol do Xerife. O jogo seguiu com ataques e contra-ataques até os acréscimos quando o Belo conseguiu, mais uma vez, receber o empate no fim do jogo. Após cruzamento de David para Manoel, em um momento de desatenção da defesa alvinegra, o lateral-esquerdo cabeceou de peixinho, encobrindo o goleiro Lucas. 1 a 1 no Almeidão.

Para continuar sonhando com o acesso para a Série B, o Belo encontrará o líder Manaus em mais um confronto direto, de seis pontos. A partida, válida pela 16ª rodada da terceira divisão, será realizada no Estádio Ismael Benigno, Colina, casa da equipe manauara. No primeiro turno, os times mediram força na Paraíba. Na ocasião, o Botafogo-PB venceu pelo placar de 4 a 1.

Equipe @Vozdatorcida