Botafogo-PB sofre pressão, mas consegue trazer um ponto do sertão.

O Sousa recebeu, na tarde deste sábado, a equipe do Botafogo-PB, no estádio Marizão. O treinador do Belo, Paulo Moroni, decidiu repetir o mesmo esquema tático que venceu o time do Vitória-BA, na última quarta-feira, na Copa do Brasil. Jogando no 3-6-1, o Bota até que começou bem e aos 8 minutos, o meia Chapinha abriu o placar do jogo.

A partir daí o time do Sousa acordou e começou a ir em busca do empate. Sem sucesso, o Dinossauro foi para os vestiários com o placar adverso. No segundo tempo, o Sousa veio mais aceso e disposto a vencer a partida. O Belo se retraiu muito e foi chamando o time alviverde para o jogo.

Entrou em ação a qualidade do melhor goleiro do estadual passado, Genivaldo que salvou diversas vezes a pátria botafoguense. Depois de tanto insistir, aos 30 minutos, o Sousa chegou ao empate. Danilo, que havia entrado no segundo tempo, depois de uma triangulação do time sousense, matou a bola no peito e finalizou sem chances para o goleiro Genivaldo, empatando e fechando o placar da partida.

Com o empate, o Botafogo-PB passa o CSP na pontuação e assume a terceira colocação do campeonato. O Belo na próxima rodada enfrenta o Auto Esporte, no clássico Botauto ainda com data indefinida. No meio de semana o clube pessoense vai à Salvador enfrentar o Vitória-BA, no jogo de volta da Copa do Brasil. Já o Sousa, se manteve na sexta posição e duela, no próximo domingo, com a Desportiva, no Marizão.

Imagem: Ascom Botafogo-PB

Equipe VT

1 Comentário

Faça um comentário