Bruno Gonçalves pode voltar no mata-mata da Série C

Foto: Reprodução/ TV Belo

Desde a pré-temporada, o Botafogo-PB vem sofrendo com lesões que tiram seus atletas de combate para ajudar o clube na disputa das competições da temporada. As baixas foram um dos fatores contribuintes para o baixo rendimento na Copa do Nordeste e Campeonato Paraibano.

Para a sequência na Série C do Campeonato Brasileiro, mirando o acesso, não é diferente. Em entrevista ao programa Cabine Esportiva, da Rádio Tabajara, da última segunda-feira (19), o conselheiro Guilherme Novinho lamentou o momento passado pelo Botafogo-PB no departamento médico.

Guilherme Novinho é conselheiro influente, já foi presidente do clube e é pai de Francisco Sales, atual gerente de futebol do Belo. Foto: Vitor Oliveira/ Voz da Torcida

– Para se ter uma ideia, nós temos onze atletas no Departamento Médico. Os dois goleiros, Felipe e Rhuan, o lateral-esquerdo Lucas Gabriel, Fred voltou a sentir, Rogério também, Bruno Menezes, Clayton, Welton, Bruno Gonçalves, Juninho e Rafael Barros. É, praticamente, um time. O Bruno talvez vai nos ajudar no quadrangular [da Série C] e o Rafael só no próximo ano. O nosso Fred, nosso capitão, realizou uma ressonância e vamos aguardar para saber o resultado. É uma perda muito grande porque ele tem uma liderança muito grande com o grupo. Apesar de termos condições de repor a altura. O Juninho é aquele atleta que, na gíria do futebol, joga nas onze, é uma fratura de, no mínimo, 30 a 40 dias [para recuperar] – afirmou o dirigente.

Pensando em corrigir as baixas, o Belo segue no mercado em busca de peças para reposição. O entrave, no entanto, é com o caixa para arcar com os gastos. Em um ano de baixa arrecadação, impactado diretamente pela pandemia da covid-19, Guilherme Novinho ressalta a vontade da equipe em repor peças e pede apoio aos torcedores e empresariado em busca de apoio e patrocínio.

– O Botafogo-PB tem estudado talvez fazer uma reposição, mas a parte financeira é mais difícil porque o Botafogo-PB está com bastante dificuldade em cumprir com os seus compromissos. Estamos vendo, puxando para um lado e para o outro, os torcedores têm que chegar na Timemania, porque o rateio para os clubes, com o crescimento, aumenta. Estamos indo atrás de apoio, patrocínio, com órgãos públicos também, não só para o Botafogo-PB, mas para os demais times da Paraíba para que o futebol cresça – declarou.

O time da estrela vermelha segue firme em busca do acesso. No próximo sábado, a equipe recebe, no Estádio Almeidão, o Santa Cruz, lanterna do grupo. Fred deverá ser mais um desfalque para o plantel de Gerson Gusmão.

Equipe @Vozdatorcida