Dirigentes se reúnem para definir formato Paraibano de 2020

Foto: Divulgação/ FPF

A Federação Paraibana de Futebol (FPF) reúne logo mais, às 16h, em um hotel de João Pessoa, os representantes do 10 clubes da primeira divisão estadual para discutir o campeonato de 2020.

É o tão aguardado Conselho Arbitral, encontro onde os dirigentes formatam o Paraibano de profissionais.

Para o ano que vem, quando calendário da CBF indica que os estaduais sejam realizados em até 16 datas, de 22 de janeiro até 26 de abril, estão garantidos, por ordem alfabética, Atlético de Cajazeiras, Botafogo-PB, Campinense, CSP, Nacional de Patos, Perilima, São Paulo Crystal, Sport Lagoa Seca, Sousa e Treze. P

Relembrando, o Paraibano 2019 teve o Botafogo-PB como tricampeão. O certame foi disputado em 14 datas, com os 10 clubes sendo divididos em dois grupos de cinco. As equipes da Chave A enfrentaram as da B em jogos de ida e volta. Os dois primeiros colocados de cada grupo se classificaram para as semifinais. O líder do Grupo A encarou o segundo do B, enquanto o segundo colocado da Chave A enfrentou o primeiro da B, também em partidas de ida e volta.

Na finalíssima, Botafogo-PB e Campinense duelaram também em dois jogos, com vitórias do Belo, que foi tricampeão estadual consecutivo.

Já para 2020, é possível que o Campeonato Paraibano tenha mais de 16 datas. Isso porque a CBF permite que os estaduais comecem antes de 22 de janeiro.

A entidade só não quer que as competições pelo Brasil extrapolem 26 de abril, já que os campeonatos nacionais logo vão ter início. Na Paraíba, a maioria dos dirigentes se manifestou em favor de um maior número de datas para a realização do estadual, mas ainda não há um formato que esteja no consenso entre os cartolas.

O que se existe, porém, é o desejo da FPF de que, futuramente, a elite do Campeonato Paraibano tenha apenas oito times na disputa, dois a menos que o atual formato.

Para isso acontecer, é preciso diminuir a quantidade de acessos ou aumentar o número de rebaixados, algo que certamente deverá ser discutido no arbitral desta terça-feira.

Equipe @Vozdatorcida