Novo meia do Serra Branca se diz pronto para estrear e mira título do Paraibano

Foto: Samy Oliveira

Com objetivos ambiciosos para o Campeonato Paraibano deste ano, o Serra Branca foi ao mercado após se classificar na segunda posição na primeira fase do torneio e trouxe dois reforços com bom currículo para reforçar a equipe dirigida por Ranielle Ribeiro.

Se o setor ofensivo não rendeu o que se esperava até agora na competição, foram contratados o meia Téssio, ex-Treze, Sousa e que estava no Marcílio Dias, e o atacante Thiaguinho, que disputou o último Pernambucano pelo Santa Cruz.

E o paraibano Téssio concedeu entrevista afirmando que o interesse do Carcará em seu futebol é antigo, e agora que a oportunidade finalmente se concretizou, espera conseguir as metas traçadas pelo seu novo clube, e conta com a estrutura apresentada como trunfo para isto.

– Tive o convite na pré-temporada, só que acabei, quando retornei da Arábia, indo para o futebol catarinense. E agora, depois que acabou o Campeonato Catarinense, me procuraram novamente perguntando se eu queria vir disputar as semifinais e a possível final do Paraibano. E agora eu não poderia dizer não ao Serra Branca. Cheguei aqui e me surpreendi bastante com a estrutura. Eu já acompanhava há um tempo o Serra Branca e estou muito feliz aqui – afirmou.

Mesmo tendo chegado recentemente ao Serra Branca, Téssio afirma estar pronto para entrar em campo já no jogo de amanhã (30), contra o Botafogo-PB, na partida de ida das semifinais do estadual. Apesar de saber que será um confronto difícil, o meia de 30 anos sonha alto nesta sua passagem, que será curta, pelo Carcará.

– Espero poder ajudar o clube a conseguir o primeiro objetivo, que é chegar nas finais do Campeonato Paraibano, conseguir calendário e, consequentemente, o título Paraibano. O torcedor do Serra pode esperar o Téssio muito aguerrido, com muita vontade. Chego para dar o meu melhor, ajudar o clube. Estou pronto, trabalhando firme e forte para, quando o professor Ranielle precisar, eu poder ajudar – garantiu.

Depois do estadual, o Serra Branca só terá calendário novamente em 2025. Caso seja eliminado nas semifinais, terá novamente só o estadual pela frente. Se for finalista, garante vaga na Série D e Copa do Brasil do ano que vem, além de pelo menos um lugar na Pré-Copa do Nordeste.

Equipe @Vozdatorcida

[adrotate banner="3"]