Piza quer Botafogo-PB inteligente contra o Náutico e deixa vaga no meio em aberto

Foto: Divulgação/ Botafogo-PB

O elenco do Botafogo-PB encerrou, na manhã desta sexta-feira (16), a preparação para a partida de amanhã, às 17h, no Almeidão, contra o Náutico, pela 17ª rodada do Grupo A da Série C.

Ao Belo, que tem 24 pontos e está na quinta colocação, só a vitória interessa para que as chances de classificação se mantenham vivas.

Já o vice-líder Timbu precisa apenas de um empate para chegar aos 28 pontos e garantir matematicamente uma das quatro vagas no mata-mata do acesso.

Nesse contexto, o técnico Evaristo Piza, do Belo, aposta em um adversário jogando mais fechado.

– Acredito que eles vão estudar muito o jogo, a nossa proposta. Vão buscar jogar no nosso erro. Um ponto aqui para eles praticamente nos elimina e elimina o Santa Cruz. Acho que vão fazer um jogo cauteloso, no contra-ataque. A gente precisa saber jogar. Temos a necessidade da vitória, mas precisamos atacar e saber fazer a recomposição rápida – vaticinou o treinador botafoguense.

Para a peleja deste sábado (17), Piza só tem um problema.

Sem o volante Rogério, suspenso, o comandante do Bota-PB vai ter que escalar alguém que não vem jogando ultimamente na cabeça de área. Caso opte por um jogador das mesmas características, o favorito é Sérginho.

Mas o técnico, que vem fechando os treinos na semana, adotou um tom de mistério sobre o substituto.

– As reposições imediatas são Serginho e Wellington Cézar para o setor de Rogério. Mas existe uma outra situação. Vamos analisar um encaixe com Juninho e Marcos Vinícius, que deixaria o time mais leve. Não deve fugir disso – despistou.

Equipe @Vozdatorcida