Programa 1000 Sócios é a ‘carta na manga’ do Esporte de Patos

A Junta Governativa do Esporte de Patos está viabilizando um lançamento do ‘Projeto 1000 Sócios’, para ajudar nas finanças do Terror do Sertão. A proposta, idealizada pelo auditor fiscal e membro da Junta Governativa, Arnon Medeiros, é criar um programa de sócio torcedor, com a participação de 1000 pessoas e uma mensalidade de R$ 30 mensais.

Segundo o presidente da Junta Governativa, Adriano da Telemar, o Esporte para garantir a sua participação no Campeonato Paraibano tem que saldar pelo menos os R$ 29 mil junto a Federação Paraibana de Futebol.

O projeto tem dois pontos, onde o primeiro se resume em gerar uma renda de R$ 30 mil/mensal, com a mensalidade dos 1000 sócios. Dessa receita, 70% iria par o clube e os 30%, seriam aplicados em favor dos sócios contribuintes. Ainda desses 30%, R$ 2 mil seriam sorteados com 10 sócio torcedores e o restante, investidos em jogos da Loteria. Caso ganhem o prêmio, o Esporte ficaria com 30% e 70% seria dividido com os sócios.

O segundo ponto, consiste em aplicar 30% do dinheiro dos sócios seriam aplicados em títulos de capitalização de bancos da cidade, uma forma de economizar e ter a possibilidade de ganhar somas consideráveis.

Arnon disse que este é um plano viável e que acredita na ajuda dos torcedores que amam o Patinho. A Junta deverá se reunir no fim de semana para que na semana que vem possa lançar o plano completo para os torcedores.

Ainda dentro do programa 1000 sócios, serão realizados bolões e bingos, numa tentativa de complementar a renda do time.

Para Edileudo Lucena, outro integrante da Junta, o clube corre contra o tempo, e precisa de 15 dias para concretizar o plano financeiro, sob pena de não ter tempo hábil para garantir sua vaga no Paraibano 2012.

Edileudo confirmou que o Esporte ainda não recebeu o Gol de Placa de 2010 e 2011, cerca de 170 mil reais. O problema são pendências que a própria diretoria não conseguiu resolver até agora.

A outra esperança do Esporte era renovar a parceria com o Ceará, que esta foi concretizada. Para o certame 2012, o Ceará continua interessado em renovar a parceria, garantindo uma empresa de material esportivo que cederá todos os equipamentos e vestuário que o time precisar, 4 jogadores de São Paulo e 12 jogadores do Ceará. “Fazendo uma base é mais fácil resolver os demais problemas, mas contamos com a ajuda da torcida”, disse Edileudo.

Equipe @VozdaTorcida

Voz da Torcida
Sobre Voz da Torcida 4185 Artigos
O Portal Voz da Torcida trabalha com a difusão de informações sobre o futebol paraibano desde 2011. Onde houver uma equipe paraibana de futebol competindo o Voz da Torcida estará fazendo a cobertura jornalística.

1 Comentário

  1. Eu gostaria de postar a minha indignação quando vejo episódios dessa natureza. O Esporte Clube de Patos, o nosso famoso patinho ou o terror do sertão, assim queiram… Estar prestes a peregrinar junto aos seus torcedores um projeto até arrojado, visando angariar recursos para participar do próximo campeonato paraibano, Ora! todos os desportistas da Paraiba sabem que esse nosso futebol local está quebrado desde que A MÁFIA DA CBF COM CONIVENCIA DA FPF LOCAL, dizimou o futebol dos chamados pequenos clubes, Porém, o mais difícel de entendeR, É porque, essas carniças parasitas que acabaram com esses clubes ainda se dão ao direito de cobrar valores astronõmicos nas taxas de inscrições de jogadores etc… um clube lavantar RS-30.000,00 para sustentar uma corja que devria estar na cadeia há muito tempo…

Faça um comentário