Treinador do Campinense lamenta falta de capricho em derrota

Foto: Samy Oliveira/ Campinense Clube

A primeira derrota de Ranielle Ribeiro como mandante enquanto treinador do ABC-RN teve um gosto bastante amargo. Apesar do revés, contando com a goleada sofrida pelo Sousa para o América-RN, o rubro-negro subiu uma posição na tabela, mas viu o Mecão empatar em número de pontos e embolar a classificação. Ainda perdeu a oportunidade de assumir a liderança, e viu o alvinegro potiguar abrir quatro pontos de vantagem na ponta da tabela.

Para o treinador Ranielle Ribeiro, o gol de Negueba, marcado já nos acréscimos do primeiro tempo, foi um balde de água fria para u time que estava melhor e poderia ter saído vitorioso ao fim da metade do jogo.

– Fizemos um bom primeiro tempo. Tivemos uma posse de bola mais equilibrada, criamos algumas oportunidades, sendo a mais precisa em que o defensor deles tirou em cima da linha, e tomamos o gol de um lateral em que não poderia existir, que deveria ter tido uma cobertura melhor naquela situação. O gol deles foi um golpe muito duro que recebemos. Conversamos no intervalo, buscamos organizar o nosso padrão para buscarmos o empate e, quem sabe, até a virada, mas infelizmente eles fecharam ainda mais do que estavam no primeiro tempo e seguiram com a proposta de jogar no nosso erro – lamentou.

Ainda segundo o comandante da Raposa, não é por conta da derrota que o trabalho realizado até agora deve ser desconsiderado ou achar que precise mudar de tudo. Praticamente desde o início da competição, na próxima rodada o time volta a encarar o ABC-RN e pode diminuir a vantagem do adversário na liderança, principalmente se apresentar parte do futebol que foi demonstrado no duelo do Amigão.

– Faltou capricho de nossa parte para a história do jogo ter sido outra. Queríamos ter saído de campo hoje com a vitória, queríamos ter pontuado e, quem sabe, estarmos agora na liderança da chave. Mas por termos virado o turno na segunda colocação é fruto de um trabalho, da busca por resultados que foram obtidos no primeiro turno. Estamos onde estamos hoje por tudo que construímos até aqui. Não podemos achar que está tudo errado por conta de uma derrota. Saímos com um sentimento muito ruim, mas sabendo que podemos fazer uma segunda parte de campeonato tão equilibrada quanto foi essa – afirmou.

Os dois times se enfrentam no domingo (25), às 16h, no estádio Frasqueirão, em Natal. O alvinegro deve utilizar um time misto, pensando no confronto de três dias depois pela Copa do Brasil, quando enfrentará o Flamengo, pelas oitavas de final da competição. O Campinense, por sua vez, deve contar com o atacante Anselmo, contratado no fim da última semana, e que será apresentado oficialmente nesta segunda-feira (19).

Equipe @Vozdatorcida